fbpx

Massas e Carnes

Uma boa e verdadeira pasta italiana!

Foi com isso que convivi durante a minha infância, quando visitava meus “nonos” no interior do Rio Grande do Sul. Eles vieram da Itália e de lá trouxeram a cultura culinária.

A “nona” era especializada em tortei de moranga com queijo e noz-moscada, uma delícia! Ela passava horas trabalhando e sovando a massa. Aquilo era uma arte, além de um espetáculo para o paladar na hora de provar. Tempos atrás eu percorri a Itália, em família, de cabo a rabo! Não era uma viagem gastronômica, mas, para quem ama cozinha, é impossível não se entregar aos sabores italianos. Algumas experiências foram muito boas, e outras, nem tanto. A melhor delas foi na cidade de Toscana, em uma cantina à beira do Rio Arno. Nós comemos uma massa com uma bela bistecca fiorentina, e a combinação da massa com a carne estava simplesmente sensacional.

A seguir, destaco algumas experiências gastronômicas que recomendo muito!

São Paulo

A Lellis Trattoria, inspirada nas típicas trattorias napolitanas, é referência em boa gastronomia, com ambiente agradável e música folclórica. O buffet de antepastos e o Raviolone à Don Lellis – massa recheada com mussarela de búfala e servida ao molho de creme de leite, bechamel, parmesão, champignon, espinafre, camarão e parmesão gratinado – são os destaques do cardápio.

Curitiba

A La Scuderia é um restaurante que fica no centro histórico da capital paranaense. Tendo como carro-chefe a Bistecca Ala Fiorentina, o restante do menu contém massas e risotos tradicionais inspirados na gastronomia italiana. A decoração é inspirada na escuderia Ferrari e contempla os olhos junto aos sabores dos pratos.

O Madalosso, o maior restaurante do mundo, mantém os serviços há mais de cinco décadas, servindo a típica culinária trazida com os imigrantes italianos no sistema de rodízio. Com um atendimento bem familiar, você pode se deliciar com a tradicional lasanha bolonhesa e asinha de frango com alho. Vale muito a visita.

Postado 16 de Novembro de 2018
Por Marcos Canan

Posts Relacionados

Charuto e comida harmonizam?

Gastronomia|

Um assunto um tanto quanto inusitado e até mesmo cheio de mistérios é o mundo dos charutos. Há quem nunca tenha degustado um charuto na vida, e, sim, degustar é a palavra mais correta para se usar quando falamos de fumar charutos. Não, eu não vou lhe dizer que deguste um charuto enquanto faz sua refeição, mas depois. É ai que surgem as dúvidas.

We Love Camarão

Gastronomia|

Para quem gosta de falar com propriedade até na hora de escolher um prato no restaurante, é bacana saber que os camarões pertencem à ordem Decapoda, sendo parentes próximos das lagostas e dos caranguejos. Além disso, entre os próprios camarões, há diversos tipos que nem todo mundo conhece.

Massas e Carnes

Gastronomia|

A “nona” era especializada em tortei de moranga com queijo e noz-moscada, uma delícia! Ela passava horas trabalhando e sovando a massa. Aquilo era uma arte, além de um espetáculo para o paladar na hora de provar. Tempos atrás eu percorri a Itália, em família, de cabo a rabo! Não era uma viagem gastronômica, mas, para quem ama cozinha, é impossível não se entregar aos sabores italianos. Algumas experiências foram muito boas, e outras, nem tanto. A melhor delas foi na cidade de Toscana, em uma cantina à beira do Rio Arno. Nós comemos uma massa com uma bela bistecca fiorentina, e a combinação da massa com a carne estava simplesmente sensacional.

2018-12-21T15:27:40+00:00