9 Dicas para Perder Gordura Abdominal

Assim como nos preocupamos com nossa saúde bucal, também precisamos cuidar do restante do nosso corpo. Veja as seguintes dicas para perder gordura.

Tente controlar os carboidratos em vez das gorduras.

Os pesquisadores da Johns Hopkins compararam os efeitos sobre o coração da perda de peso através de uma dieta de baixo teor de carboidratos versus uma dieta pobre em gorduras por seis meses – cada um contendo a mesma quantidade de calorias – aqueles de uma dieta pobre em carboidratos perderam, em média, mais 4.5 quilos do que aqueles de uma dieta pobre em gorduras – 13 quilos versus 8.5 quilos.

Um benefício extra da dieta com baixo teor de carboidratos é que ela produziu uma maior qualidade de perda de peso. Com a perda de peso, a gordura é reduzida, mas também há frequentemente a perda de tecido magro (músculo), o que não é desejável.

Em ambas as dietas, houve uma perda de cerca de 2 a 3 quilos de tecido magro bom junto com a gordura, o que significa que a porcentagem de perda de gordura foi muito maior na dieta low-carb.

Pense em plano de alimentação, não em dieta.

Em última análise, você precisa escolher um plano de alimentação saudável que você possa manter. O benefício de uma abordagem com baixo teor de carboidratos é que ela simplesmente envolve aprender melhores escolhas alimentares – não é necessário contar calorias.

Em geral, uma maneira de comer com baixo teor de carboidratos afasta sua ingestão de alimentos problemáticos – aqueles ricos em carboidratos e açúcar e sem muita fibra, como pão e refrigerantes – e em direção a escolhas de alta fibra ou alta proteína, como vegetais, feijões e carnes saudáveis.

Siga em movimento.

A atividade física ajuda a queimar gordura abdominal. Um dos maiores benefícios do exercício físico é que você ganha muito peso com a composição do seu corpo.

O exercício parece funcionar especialmente fora da gordura abdominal porque reduz os níveis circulantes de insulina – o que de outra forma sinalizaria o corpo a se agarrar à gordura – e faz com que o fígado use ácidos graxos, especialmente os depósitos de gordura visceral próximos.

A quantidade de exercício necessária para a perda de peso depende de seus objetivos. Para a maioria das pessoas, isto pode significar 30 a 60 minutos de exercícios moderados a vigorosos quase todos os dias.

Levante pesos.

Adicionar até mesmo o treinamento de força moderada ao exercício aeróbico ajuda a construir massa muscular magra, o que faz com que você queime mais calorias durante todo o dia, tanto em repouso quanto durante o exercício.

Torne-se um leitor de rótulos.

Compare e contrate as marcas. Alguns iogurtes, por exemplo, se gabam de terem baixo teor de gordura, mas são mais altos em carboidratos e adição de açúcares do que outros. Alimentos como maionese, molhos para salada muitas vezes contêm altas quantidades de gordura e muitas calorias.

Afaste-se dos alimentos processados.

Os ingredientes dos produtos embalados e dos aperitivos são frequentemente pesados em gorduras trans, adição de açúcar e sal ou sódio – três coisas que dificultam a perda de peso.

Concentre-se mais na forma como suas roupas se ajustam do que na leitura de uma balança.

Conforme você adiciona massa muscular e perde gordura, a leitura em sua balança de banheiro pode não mudar muito, mas suas calças ficarão mais frouxas. Essa é uma melhor marca de progresso.

Medido ao redor, sua cintura deve ser inferior a 88,9cm se você for mulher ou inferior a 101,6cm se você for homem para reduzir os riscos de coração e diabetes.

Emagrecedores Naturais podem te ajudar

Existem alguns emagrecedores naturais que podem fazer a diferença! Procure por um remédio para emagrecer aprovado pela ANVISA, confira a lista dos melhores emagrecedores e escolha o seu!

Divirta-se com amigos focados na saúde.

As pesquisas mostram que você está mais apto a comer melhor e se exercitar mais se seus amigos e familiares estiverem fazendo o mesmo.

Comments are closed.